Matéria e Video:. Cairolli volta a vencer!

O consagrado piloto italiano começou a temporada com o pé direito ao conquistar a primeira prova de 2017 no GP do Qatar na noite deste sábado. Depois de vencer a primeira corrida, Antonio Cairoli repetiu o feito na segunda e decisiva prova na pista de Losail.

Segundo durante grande parte da corrida, Cairoli fez seu ataque final a duas voltas do fim quando ultrapassou o atual campeão do mundo e líder da prova, Tim Gajser, que vinha liderando a corrida desde o seu início e não teve como reagir a investida do veterano. Na somatória total o piloto da Honda teve de se contentar com o segundo posto, o que acendeu um confronto Antonio Cairoli promete durar a temporada todas.

Depois de serias lesões o ano passado, Clément Desalle, também entrou em grande estilo na temporada ao ficar com o terceiro lugar. Nesta segunda prova o piloto da Kawasaki, foi quarto atrás de Romain Febvre, que deu um ar da sua graça depois de ter estado discreto ao longo de todo o GP do Qatar. O piloto francês ficou com a quinta posição final logo atrás de Bobryshev Evgeny (Honda), que neste segunda corrida esteve mais apagado.

Já Jeffrey Herlings (KTM) teve uma estreia discreta na classe principal, não estando ainda totalmente recuperado de uma lesão contraída no braço esquerdo durante a pré-temporada. O campeão mundial MX2 ficou apenas com a 15º posição.

MX2 – Absoluto, assim Pauls Jonass (KTM) no GP do Qatar. O piloto da KTM esteve imbatível durante o evento ao conquistar a corrida de qualificação e as duas provas finais. Nesta segunda corrida Jonass o piloto foi absoluto de ponta a ponta e não deu chances aos adversários.

Benoit Paturel, da Yamaha, foi novamente segundo nesta corrida final, posição com que também terminou a primeira prova da temporada. Muito regular, o piloto francês apenas não conseguiu superar o imbativel Pauls Jonass.

O pódio do do Qatar ficou completo com Julien Lieber (KTM), que foi terceiro nas duas corridas realizadas. Seguido por Thomas Kjer (Husqvarna).

Fonte, revista Dirt Action, corra para as bancas, leia a nossa coluna de Enduro de Regularidade!

Deixe uma resposta