AMA SX, Seely é operado após queda no Tampa SX

Cole Seely passo por duas operações na sequência da queda que sofreu na etapa do mundial de Supercross em Tampa.

Depois de visto pela unidade médica Alpinestars Mobile, ainda no estádio, o piloto foi levado ao hospital St. Joseph’s. Logo no sábado foi sujeito a uma intervenção para lhe realinhar a pélvis.

No domingo uma operação mais complexa foi realizada: o objetivo foi o de reparar os danos na zona abdominal, fixar a pélvis com uma placa e parafusos.

O diagnóstico aponta para oito semanas sem carregar peso, com uma consulta adicional a ter de ser feita entre 10 a 14 dias após a cirurgia.

O piloto fica assim de fora pelo menos dois meses, na melhor das hipóteses.