Pilotos da Yamaha O2BH Racing mantém liderança no Brasileiro de Enduro

Com sua TT-R 230, Ronald Santi conquistou mais um pódio no Campeonato Brasileiro.
Foto: Janjão Santiago

Com o Campeonato Brasileiro de Enduro chegando quase na metade, os pilotos da Equipe Yamaha O2BH Racing fazem prova de superação e se mantém na liderança da classificação após etapa difícil e com muita lama.

A prova de Biguaçu, em Santa Catarina, sempre costuma ser uma prova complicada. Desta vez não foi diferente. A chuva começou a cair no final da tarde de sexta-feira, complicando ainda mais o exigente traçado da prova. Com especiais longas e muito escorregadias, os pilotos Yamaha tiveram que se superar.

Recuperando-se de uma lesão no ombro e ainda sem estar em suas melhores condições, o tetracampeão brasileiro de enduro Rômulo Bottrel fez uma prova consciente, de olho no campeonato, e garantiu o segundo lugar na etapa, se mantendo no topo da tabela.

“A prova estava muito difícil e bem escorregadia. Não quis arriscar e colocar a perder o trabalho de recuperação que venho fazendo no ombro. Então preferi dosar o ritmo e garantir pontos importantes no campeonato. Terminei o final de semana na segunda colocação e ainda sou o líder do Campeonato Brasileiro na Categoria E3”, comentou Bottrel.

Já Patrik Capila encarou a prova de forma diferente. No sábado, aproveitou as dificuldades do percurso e atacou desde o início, sempre liderando com folga a sua categoria e ocupando as primeiras colocações na Classificação Geral. Mas na última especial do dia teve problemas no mousse da roda traseira e acabou perdendo uma vitória certa – até agora havia vencido todas as etapas. No domingo se recuperou e conquistou mais uma vitória, se mantendo com folga na liderança do Campeonato.

“Gostei demais das especiais de Biguaçu, estava andando forte e bem à vontade na prova. Infelizmente tive um problema na última especial que me custou a vitória e um pódio na Geral. Mas são coisas que acontecem. No domingo consegui me recuperar e venci o dia. Agora vou me preparar para conquistar um bom resultado, que acontece no Espírito Santo, pertinho de casa”, relatou Capila.

Disputando o campeonato com uma TT-R 230, o mineiro Ronald Santi teve que acelerar muito nas longas especiais, em uma difícil e desgastante prova, tanto para os pilotos quanto para os equipamentos. O piloto, que disputa a categoria E4 Light, ficou satisfeito com o comportamento da moto.

“A prova foi muito complicada, bem pesada e desgastante, principalmente por causa das longas especiais e do terreno com muito barro e muito escorregadio. A moto se comportou muito bem e me passou muita confiança, com isso não precisei me preocupar com mais nada que não fosse acelerar e conquistar mais um pódio no campeonato. Agora vamos nos preparar para a próxima etapa, que é sempre muito boa e bem organizada, em Aracruz/ES”, disse Santi.

Os pilotos encaram agora alguns dias de treinamento intensivo em Belo Horizonte, se preparando para a próxima etapa do Campeonato Brasileiro, nos dias 9 e 10 de Junho.

A Equipe Yamaha O2BH Racing tem patrocínio da Yamaha do Brasil, Kenda Pneus, ASW, Yamalube, BR Parts, Dragon, Gaerne, Circuit, Belparts, W-Tech, Stick´s, Durag, Solo, Exceed, MrPro, Academia do PIC e Alex Design. Pertence ao Grupo Orange, proprietário da concessionária O2BH Yamaha em Belo Horizonte, que tem completo showroom e mais de quatro mil produtos em estoque, com 1.650m2 de estrutura. Mais informações em www.o2bh.com.br.


Rômulo Bottrel conquistou a segunda colocação e lidera a categoria E3. Foto: Janjão Santiago


Patrik Capila lidera a Categoria EJ. Foto: Janjão Santiago