MXGP, Prado fala sobre a temporada que se avizinha

Depois de duas temporadas inacreditáveis em MX2, Jorge Prado conquistou dois títulos mundiais. Agora, resta saber se o piloto espanhol conseguirá ou não continuar a impressionar no novo desafio que se avizinha para a temporada de 2020.

Prado vai correr o Campeonato do Mundo de MXGP e já fez a sua estreia em 450cc no Motocross das Nações. Representando a equipa de Espanha, o piloto mostrou que consegue manter um bom ritmo e velocidade, depois de terminar em quarto lugar na classe MXGP. “Estou muito contente com os meus dois títulos mundiais. Mas este vai ser um grande passo, passando para a classe principal, MXGP, a correr com os grandes, digamos”.

Após os treinos de inverno, espera-se que Prado tenha capacidade para estar na frente da classe de MXGP. Claro que não deverá ser tarefa fácil dar o salto para a classe rainha do motocross mas se há alguém que pode desafiar as possibilidades é Jorge Prado.

Prado relembrou ainda que, no próximo ano, haverá sete campeões mundiais a correr na classe principal. “Herlings, Cairoli, Jonass, Gajser, Febvre, Tixier e eu vamos estar em MXGP, por isso, como podem imaginar, a fasquia vai estar muito alta. Vou tentar dar o máximo que conseguir para realizar os meus sonhos. Veremos mas espero que no futuro eu possa ser um dos melhores da classe”, explicou o piloto.

Foto: MXGP