MXGP, Julien Lieber e Benoit Paturel na JM Racing Honda em 2020

Chegou agora a confirmação de algo que há muito se especulava. Depois de vários anos a chefiar a equipa oficial da Husqvarna no Mundial de MX2, Jacky Martens criou agora uma equipa para colocar dois pilotos a competir na classe MXGP já em 2020.

Um dos pilotos que vai alinhar pela JM Racing Honda é Julien Lieber. O belga tem já dois anos de experiência nesta categoria, tendo terminado o campeonato na 11.ª posição em 2018. Infelizmente, uma fractura num braço em Teutschenthal este ano ditou o fim da sua temporada.

Considerando que pilotos como Max Anstie ainda estão disponíveis no mercado, a decisão de Martens em apostar em Benoit Paturel pode surpreender alguns. 5.º classificado no Mundial de MX2 em 2017, o francês ainda não fez uma época completa na classe MXGP devido a alguma instabilidade nas equipas pelas quais competiu.

Ambos os pilotos da JM Racing Honda vão vestir equipamentos Shot, marca que tem uma relação com Jacky Martens que já vem desde 1994, ano em que o belga se sagrou campeão mundial de Motocross 500cc.

Numa altura em que escasseiam os lugares na classe MXGP, é sempre bom ver o aparecimento de novas equipas que dão oportunidade a alguns pilotos de mostrar o seu valor. Estamos certos que Martens vai tirar o melhor rendimento de Lieber e Paturel.