MX, Campano vence o Brasileiro em Extrema MG

Fim de semana com muita adrenalina e bons pegas em Extrema-MG para a 3ª Etapa do Brasileiro de Motocross. As disputas foram realizadas no Parque Municipal da cidade. Este foi o segundo ano consecutivo que o município recebeu uma etapa da competição nacional.

Mais uma vez a competição foi um sucesso. Tanto de pilotos quanto de público que lotou a arquibancada. Cerca de 25 mil pessoas acompanharam as disputas de perto.

Na principal categoria, a MX1, o espanhol Carlos Campano teve um melhor aproveitamento e ficou em primeiro lugar na soma das baterias. Fechou o fim de semana com um segundo lugar (1ª bateria) e um primeiro lugar (2ª bateria).

Carlos Campano (Foto: Tiago Lopes/CBM)

“Na primeira bateria eu me senti um pouco travado. Mas, na segunda fui melhor. Continuo com quatro pontos de vantagem para o segundo na classificação, que é o Jetro. Agora vou voltar para a Espanha, já na terça-feira, para continuar minha preparação por lá”, destacou o campeão, Campano.

O pódio ficou completo com o equatoriano Jetro Salazar, os irmãos Dudu Lima e Marcello de Lima e o português Paulo Alberto.

1ª bateria MX1
O espanhol Carlos Campano (115) largou na ponta seguido de Thales Vilardi (27), Paulo Alberto (211), Jetro Salazar (1), Jean Ramos (10), Marcello de Lima (5), e Dudu Lima (2).

O início de prova foi bem embolado e ocorreram trocas de posições. Logo Thales perdeu posições e o português Paulo Alberto assumiu a segunda colocação.  Dudu também ganhou o lugar do irmão Marcello e de Jean.

Mudanças também nas primeiras colocações. Jetro Salazar ultrapassou Paulo Alberto e assegurou a segunda posição. Dudu também aproveitou e passou o português, ficando em terceiro.

Faltando 10 minutos para o fim, o pega entre Jetro Salazar e Campano animou o público. Dudu Lima também seguiu firme.

Um pouco antes da placa de duas voltas para o término Jetro conseguiu ultrapassar Campano e assumiu a frente. Dudu aproveitou e foi para cima do espanhol também, mas não deu.

Jetro cruzou em primeiro, Campano em segundo e Dudu em terceiro quase junto com o espanhol.

Resultado 1ª bateria
1º Jetro Salazar
2º Carlos Campano
3º Eduardo Lima
4º Paulo Alberto
5º Jean Ramos

2ª bateria MX1

Eduardo Lima disparou na frente, seguido de Campano, Jean Ramos, Héctor Assunção e Jetro Salazar.

Mas na primeira volta Jetro já era o terceiro, no entanto Jean não queria perder posição e pressionou.

Dudu abriu um pouco na ponta, mas na metade da prova Campano acelerou e ultrapassou Dudu, que logo deu o troco. A disputa dos dois foi grande e animou o público. Depois de algumas voltas, Campano ultrapassou novamente Dudu, mas o pega entre os dois continuou acirrado.

Jetro então foi para cima de Dudu, ultrapassou o piloto e assumiu a segunda posição faltando cinco minutos mais duas voltas para o fim da prova.

Disputa boa também para a quarta posição entre Jean Ramos e Marcello de Lima. Nos últimos minutos Marcello ultrapassou Jean, que tentou dar o troco mais não conseguiu.

Campano cruzou em primeiro no arco de chegada, seguido de Jetro, Dudu, Marcelo e Jean.

Resultado 2ª bateria
1º Carlos Campano
2º Jetro Salazar
3º Eduardo Lima
4º Marcello de Lima
5ª Jean Ramos

 

Pódio MX1 (Foto: Tiago Lopes/CBM)

Soma das baterias
1º Carlos Campano
2º Jetro Salazar
3 º Eduardo Lima
4º Marcello de Lima
5º Paulo Alberto

Classificação no Campeonato
1º Carlos Campano – 117 pontos
2º Jetro Salazar – 113 pontos
3º Eduardo Lima – 99 pontos
4º Paulo Alberto – 89 pontos
5º Jean Ramos – 79 pontos

Veja a classificação completa em: http://cbm.esp.br/sistema/classificacao.php?campeonato=413&ano=&organizador=CBM&idModalidade=13

O Campeonato Brasileiro de Motocross terá patrocínio de Honda, Yamaha, Rinaldi e IMS. A temporada ainda terá o apoio da Mobil. A etapa conta com patrocínio local de Blade Energy e Grupo Geração.

Comunic.Ativa – Assessoria de Imprensa CBM

Deixe uma resposta