Marc VDS mede opções com vista a 2019

O chefe de equipe da Marc VDS, Michael Bartholemy, deixou no ar a ideia de que o ano de 2019 poderá trazer novidades à sua equipe, sobretudo relacionadas com as parcerias e projetos futuros. Trabalhando há três anos com a Honda, o diretor disse haver outras (três) opções disponíveis para colaborar com a sua marca, lembrando outras situações no passado.

‘Nos últimos três anos fizemos muito pela Honda. Quando uma equipe [Gresini] teve problemas com um patrocinador, assumimos o programa – até um ano antes de termos recursos finaceiros para conseguir, pelo o que tivemos de mover montanhas em 2014 para conseguir o projeto com o Scott Redding. Quando outra equip3 da Honda teve problemas financeiros [LCR], assumimos o segundo piloto [Jack Miller], e isso foi ainda um desafio maior para nós’, disse o diretor citado pelo Autosport.

Bartholemy, confessou ainda sentir a Marc VDS um pouco ‘excluída’ em relação ao projeto da Honda: ‘Vimos ainda que somos um pouco tratados como se fossemos a quinta roda de um carro, é normal que nos sintamos um pouco desapontados. Mas o ponto positivo é que existem três fabricantes que gostam da nossa equipe, e gostam do projeto que temos. Estou aberto para falar com todas as quatro – inclusive a Honda – e penso que a pessoa que mostrar mais interesse na nossa acividade deve ser a pessoa com quem seguiremos em frente’.

Deixe uma resposta