Aprenda a escolher o pneu correto para a sua moto!

Vai encarar uma trilha? Aprenda a escolher o pneu off road para cada terreno, com isso você terá melhor desempenho e o pneu terá maior durabilidade.

É comum os pneus off road não durarem nada, quebrarem os gomos ou não darem a correta tração no barro e os pilotos saírem por ai dizendo que o pneu é ruim. O que acontece é que cada pneu é feito para um tipo de terreno e, se não for corretamente utilizado, não terá o desempenho esperado.

Pneus mais macios com os gomos mais espaçados são para serem utilizados em superfícies menos consistentes, como lama e areia. Se forem utilizados em pisos duros, eles poderão quebrar os gomos e terão menos tração, já que a área em contato com o solo será menor. Este tipo de pneu quando gira provoca a expulsão da lama, mantendo a tração mesmo em situações bastante adversas.

Pneus mais duros possuem os gomos mais próximos para terem maior área de contato e resistência. Se forem utilizados em lama, por exemplo, ficarão lisos porque a lama não irá se desprender de sua superfície. Algumas marcas de pneu possuem uma camada de borracha mais dura por fora, para resistir melhor ao desgaste, e na parte interna dos gomos, uma borracha mais maleável, para tornar os gomos mais difíceis de quebrar.

Se você vai comprar um pneu para fazer trilhas, procure um de uso mais geral, que irá se adaptar aos diversos tipos de terrenos. Outro ponto importante: observe a estação do ano para não comprar um pneu para terra dura/cascalho na época de chuva.

Na hora de comprar, é preciso sempre verificar as medidas do pneu para sua motocicleta. Basicamente são o aro (traseiros 17”, 18”, 19”, e dianteiro 21”) a largura e a altura. Você já deve ter percebido que existem pneus em que o aro fica mais próximo do chão, ou seja é um pneu mais baixo que dá maior estabilidade à moto. E existem casos em que o pneu é mais alto, protege melhor o aro e evita furos por ter a câmara mascada. A calibragem deve ser conferida sempre antes de sair com a moto, com os pneus frios. Ela varia com o seu peso, estilo de pilotagem, terreno, tipo de pneu e moto. Para terreno seco e duro deve ser por volta de 14 Lbs. Caso haja muitas pedras, diminua a velocidade ou use uma pressão maior, para evitar furos na câmara. Na chuva o indicado é 11-10 Lbs. Algumas montadoras recomendam a mesma pressão para os pneus dianteiros e traseiros ou pode haver uma pequena diferença entre os dois, eu geralmentegosto de usar 14 ou 12 na frente, e 10 ou 8 na traseira, interessante usar uma câmara grossa que evita furos e vc pode usar o pneu com uma calibragem menor que nao masca a camara.

Os sprays para reparo instantâneo de pneus só funcionam em caso de furos pequenos. Se você andou com o pneu vazio é capaz de não funcionar. Sempre vale a pena ter um à mão.

Os pneus desempenham uma função essencial para o trail: o atrito entre a moto e o solo. Para melhorar esse atrito, escolha o pneu certo para cada terreno. Confira:

1. Pneus de cravos baixos e próximos – normalmente são colocados pela fábrica em motos trial. São desaconselhados para trilhas com muito barro, pois qualquer muita lama irá cobrir totalmente os pequenos cravos. mas em regiões de pedra, esse pneu é um absurdo de bom, os pilotos de enduro gostam de usar apenas o traseiro com 7 libras, poucos usam o dianteiro e traseiro juntos.

2. Pneus de cravos baixos e longes – são indicados para o uso em piso seco ou molhado com irregularidades (buracos, valas, etc.). Porém, são ruins em trilhas com atoleiros fundos ou pisos muito movediços. É um pneu de pouca comercialização.

3. Pneus de cravos altos e próximos – são os mais usados pelos trilheiros. Foram feitos para pisos com pouca deformação, molhado ou seco, enfrentam lameiros com facilidade, mas perdem a eficiência rapidamente, pois a lama cobre os cravos rapidamente. Por serem próximos, a grande vantagem desse pneu é a performance em terra batida, onde os cravos próximos não atrapalham na estabilidade da moto com o piso. Exemplo desse pneu, eu diria que o bom e velho Pirelli GarraCross

4. Pneus de cravos altos e longes – totalmente indicados para trilhas de grande percurso em atoleiros, brejos, argila, possui uma tração eficaz em qualquer tipo de terreno molhado e movediço. O problema desse tipo de pneu é a pouca aderência em terra abatida. É o pneu ideal para trilhas com grande problemas de piso (buracos, lameiros, brejos, erosões, etc.). Esse é o excepcional Mitas C 04, sobe até parece lisa, poste com sabão e por ai vai!

Espero que vc tenha gostado da materia, se quiser uma aula de pneu, liga para Jarva no (41) 3232-2121 WhatsApp: (41) 99128-4003 e pede para chamar o CG, quando tenho algumas duvidas aqui sobre medidas, o que usar em terrenos, ligo para ele, ele tem todos os pneus, tem preço e tem boa vontade em explicar, isso que é o melhor.

Abracos a todos e tenha um bom dia, compartilhe essa materia

Deixe uma resposta